A IMPORTÂNCIA DA MÚSICA PARA O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

A IMPORTÂNCIA DA MÚSICA PARA O DESENVOLVIMENTO INFANTIL

A música, desde muito tempo, vem sendo considerada por pesquisadores uma das áreas de conhecimento que tem grande influência no desenvolvimento infantil. Através da linguagem musical, é possível promover a integração entre o corpo e a mente, a sensibilidade e a razão, a técnica e a criatividade, o que por sua vez, colabora para a socialização e segurança emocional, para a comunicação, expressão e consciência corporal.

A infância é também caracterizada pela fase de alfabetização das crianças, esta etapa do ensino pode ser potencializada com a música. As canções infantis, principais aquelas em que as sílabas são rimadas e repetitivas, ajudam as crianças a entender o significado das palavras e contribuem para o desenvolvimento de sua memória visual, que é muito importante no processo de aquisição da leitura e da escrita. Além disso, a música aumenta o poder de concentração, estimula o raciocínio lógico e potencializa o ritmo do aprendizado, inclusive para idiomas diferentes.

A música é resultado de uma interpretação cerebral, assim como todos os outros eventos no corpo humano. Assim, seu potencial para o ensino se dá na qualidade de sequência temporal de sons articulados que se relacionam diretamente com a linguagem. Ela é semelhante ao discurso na conexão dos sons e na organização das estruturas concretas.

Expor as crianças a estilos, origens e instrumentos diferentes de musicalização é uma excelente forma de exercitar seu campo cerebral. Quanto mais rica em harmonia, timbre e ritmos for a música mais ela contribui para estimular o cérebro de quem ouve, possibilitando melhorar e ampliar sua capacidade de aprendizagem em todas as áreas.

Isso significa, que através da música, a criança desenvolve a capacidade cognitiva e a expressão e consciência corporal, aprende a coordenar seus movimentos de acordo com diferentes ritmos, o que possibilita o desenvolvimento da coordenação motora ampla.

As cantigas de roda, músicas que na maioria das vezes as crianças sabem de cor, são muito estimulantes, ao mesmo tempo que são exercício físico e brincadeira, contribuem para desenvolver e ampliar o repertório da linguagem e da fala e a consciência corporal. E, ainda permitem a fantasia e a imaginação, pois exploram universos e temas variados.

Mesmo antes de frequentar os ambientes escolares, a música é capaz de confortar a criança, despertar afetividade e estreitar os laços de confiança com pais e familiares, que depois de estendem aos professores e colegas de sala. Por meio da música, é possível resolver conflitos, incentivar a cooperação entre as crianças, iniciar e terminar atividades, marcando o tempo para as crianças menores, vencer timidez, insegurança e indisciplina.

Na sala de aula, os professores podem usar a música nas mais diversas situações como a hora do banho, a hora da história, a hora da atividade, a hora de dormir, entre outras. Também é usada para introduzir e fixar aprendizagens de maneira lúdica, conduzir o humor da turma, educar para a sensibilidade e a capacidade de viver em comunidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *